"EU SOU O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA" JESUS

"... a sabialidade não está naquilo que se faz, está naquilo que você sente em fazer." Dr. Claudionor de Carvalho

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

É PRECISO TROCAR O VERBO ESPERAR, PELO VERBO REALIZAR

Esperar é o verbo mais praticado por vocês nesta Glebe. Esperar, esperar...
Esquecem-se de que o tempo já chegou, e, por causa disso, o verbo para o momento deve ser ATUAR.
Não pensem que serão vistos com entendimento, quando forem chamados a dizer sobre o que realizaram na encarnação que lhes fora presenteada. Haverá, mesmo, grande dor de consciência, por não terem aproveitado a oportunidade de progredir. Haverá tristeza, e, infelizmente o tempo terá passado.
Por isso, não pratiquem mais este verbo: esperar. 
Pratiquem com a maior urgência, o verbo que amplia as oportunidades de evolução rumo à verdadeira vida: REALIZAR.
Eis que o momento é chegado... E aquele que entendeu a proposta, este sim, será feliz. Porque vai olhar para trás e ver que não perdeu o tempo de plantar. Então, haverá de colher em ambudância a paz que houver semeado.
Que Jesus ampare a todos.


Alaor
(espírito)


Psicografia - Solineide - em 20/01/2011

A Bênção do Trabalho

"É pela bênção do trabalho que podemos esquecer os pensamentos que nos perturbam, olvidar os assuntos amargos, servindo ao próximo, no enriquecimento de nós mesmos.
Com o trabalho, melhoramos nossa casa e engrandecemos o trecho de terra onde a Providência Divina nos situou.
Ocupando a mente, o coração e os braços nas tarefas do bem, exemplificamos a verdadeira fraternidade e adquirimos o tesouro da simpatia, com o qual angariaremos o respeito e a cooperação dos outros.
Quem não sabe ser útil não corresponde à Bondade do Céu, não atende aos seus justos deveres para com a humanidade e nem retribui a dignidade da pátria amorosa que lhe serve de mãe.
O trabalho é uma instituição de Deus."


SENDA DE PERFEIÇÃO


Quem move as mãos no serviço,
Foge à treva e à tentação.
Trabalho de cada dia
É senda de perfeição.

Meimei

(Mensagem do livro "Pai Nosso", recebida pelo médium Francisco Cândido Xavier - Edição FEB.)

"Ano-limite do mundo velho – Profecias de Chico Xavier"

 Geraldo Lemos Neto e Chico Xavier
Caros irmãos,
a matéria "Ano-limite do mundo velho – Profecias de Chico Xavier" é muito interessante e para quem deseja ler o texto na íntegra, visitem o blog:
http://centralespirita.blog
No endereço acima, encontrarão uma bela matéria e uma excelente entrevista de Geraldo Lemos Neto, fundador da Casa de Chico Xavier, de Pedro Leopoldo (MG).
Em tempos de mudança, nada mais apropriado do que estar atento às informações - de fato - relacionadas com a verdade dos fatos. 

TRECHO DA ENTREVISTA CONCEDIDA POR CHICO XAVIER: 
"Geraldinho – O que aconteceria especificamente com o Brasil? 

No que Chico respondeu: “em todas as duas situações, o Brasil cumprirá o seu papel no grande processo de espiritualização planetária. Na melhor das hipóteses, nossa nação crescerá em importância sociocultural, política e econômica perante a comunidade das nações. Não só seremos o celeiro alimentício e de matérias-primas para o mundo, como também a grande fonte energética com o descobrimento de enormes reservas petrolíferas que farão da Petrobrás uma das maiores empresas do mundo”. Prosseguiu Chico: “O Brasil crescerá a passos largos e ocupará importante papel no cenário global, isso terá como consequência a elevação da cultura brasileira ao cenário internacional e, a reboque, os livros do Espiritismo Cristão, que aqui tiveram solo fértil no seu desenvolvimento, atingirão o interesse das outras nações também. 
Agora, caso ocorra a pior hipótese, com o Hemisfério Norte do planeta tornando-se inabitável, grandes fluxos migratórios se formariam então para o Hemisfério Sul, onde se situa o Brasil, que então seria chamado mais diretamente a desempenhar o seu papel de Pátria do Evangelho, exemplificando o amor e a renúncia, o perdão e a compreensão espiritual perante os povos migrantes. 
A Nova Era da Terra, neste caso, demoraria mais tempo para chegar com todo seu esplendor de conquistas científicas e morais, porque seria necessário mais um longo período de reconstrução de nossas nações e sociedades, forçadas a se reorganizarem em seus fundamentos mais básicos."
(meados de 1980)



Geraldo Lemos Neto, fundador da Casa de Chico Xavier, de Pedro Leopoldo (MG).

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Mensagem de Dr. Bezerra de Menezes ao Centro Espírita Claudinor de Carvalho


“Abram os corações, abram os olhos enquanto ainda há tempo. Não percam o que Deus deu e concedeu a cada um de vocês.
Não se percam meus filhinhos... Nunca é tarde de retomar o que perderam e o que não fizeram no dia de ontem.
Porque o amanhã está aí à frente, o sol a brilhar, a brisa a suavizar, o tempo a lembrar: não é tarde.
Deus nos ama filhos de meu Pai, Jesus nos mostra todos os dias a importante missão de unir esta Casa a todas essas regiões próximas a esta Casa. (...)
Reclamamos o direito de dizer que somos filhos de Deus. E temos a obrigação Moral de fazer a Caridade. (...)
Está nas mãos de vocês o Cajado da Boa Nova.
Paz na Terra a todos os homens que tenham Boa Vontade.
Que Deus abençoe a todos.
Que Deus proteja a todos.
Que Deus ilumine sempre a todos.
Que Deus proteja a todos desta Casa.


Dr.Bezerra de Menezes”

 
16/06/2011 – Mensagem psicofônica recebida em Reunião Mediúnica - Através do Médium José Marcos

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Itabatã... uma Casa de Amor!

A equipe do CECC sob a Coordenação de Dr. Claudionor de Carvalho foi convidado a realizar o trabalho que vem sendo desenvolvido no Centro Espírita Claudionor de Carvalho (há 11 anos) no Grupo Espírita André Luiz no Município de Itabatã.
Fomos recebidos com muito carinho por Laura e sua equipe, onde passaram por lá para o atendimento 98 pessoas de várias Cidades e de outros Estados ( Minas Gerais, Espírito Santo e São Paulo).
Agradecemos a todos pelo recepção tão carinhosa e Parabéns ao Grupo Espírita André Luiz pelo trabalho lindo que vem desenvolvendo. Que o Menino Jesus ilumine a todos!

Equipe CECC

                                          Equipe CECC e André Luiz

                                          Brenda e Taiane (CECC)
                                          Alda, Taiane e Brenda (CECC)
                  Alda, Virgínia, Maria, Taiane e Brenda (CECC)

                                           CECC

                                    Laura (André Luiz) e Equipe CECC


                                          Grupo Espírita André Luiz


domingo, 22 de janeiro de 2012

Escritura importante



Um dia da tua vida
é uma página que tens.
Escreve, pois, versos 
que falem de amor,
versos que mostrem a paz.

Um dia é muita oportunidade...
Faças então que tua vida,
sendo escrita passo a passo,
verso a verso,
seja bela obra a ser lida.

Olha minha irmã,
meu irmão,
não desprezes jamais
um dia, dois ou três.
Cada dia é página a ser escrita.
Então, não deixes nenhuma delas
em branco,
ou mal redigida.

Terezinha
(espírito)


Psicografia - Solineide

sábado, 21 de janeiro de 2012

MENSAGEM

"Graças a Deus por estarem armados de palavras e de sentimentos. Graças a Deus. 
A Caridade é o que dá sentido à vida do trabalhador, ela faz lembrar o que prometemos lá em cima, quando iniciamos a encarnação. 
Iremos somar com aquilo que sentimos dentro de cada um de nós, como aprendizado. 
E devemos nos perguntar: De que forma tenho sido útil? 
De que forma tenho sido responsável por aquilo que digo?
Estou fazendo o que me propus? 
Será que estou cumprindo?
E como temos aprendido com os que tenho me encontrado, ajudado. Não é mesmo?
Trabalhar na Seara é a confirmação daquele que está se propondo a trabalhar direito com a Doutrina.
Trabalhar na Seara é se propor a ser feliz."
 
Reunião Mediúnica - 16-06-2011

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Evangelização


Evangelizar uma criança é como honrar o mundo com grandeza dos deveres maiores, 
adornando o futuro de gemas valiosas. 

Emmanuel


 







quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Pegadas na areia

Uma noite eu tive um sonho...
Sonhei que estava andando na praia com o Senhor e através  do céu, passavam cenas da minha vida.
Para cada cena que passava, percebi que eram deixados dois pares de pegadas na areia: um era meu e o outro era do Senhor.
Quando a última cena passou diante de nós, olhei para trás, para as pegadas na areia e notei que muitas vezes, no caminho da minha vida, havia apenas um par de pegadas na areia.
Notei também que isso aconteceu nos momentos mais difíceis e angustiosos do meu viver. Isso me aborreceu deveras  e perguntei então ao Senhor:
- Senhor, Tu me disseste que, uma vez que resolvi te seguir, Tu andarias sempre comigo, em todo o caminho. Contudo, notei que durante as maiores atribulações do meu viver, havia apenas um par de pegadas na areia. Não compreendo porque nas horas em que eu mais necessitava de Ti, Tu me deixaste sozinho.
O Senhor me respondeu:
- Meu querido filho. Jamais te deixaria nas horas de provas e de sofrimento. Quando viste, na areia, apenas um par de pegadas, eram as minhas. Foi exatamente aí que eu te carreguei nos braços.
 
Do livro "Pegadas na areia" - Margareth Fishback Powers - Ed.Fundamento

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

AGORA

Agora, enquanto é hoje, eis que fulgura
O teu santo momento de ajudar!...
Derrama, entorno, compassivo olhar
Estende as mãos aos filhos da amargura...

Repara!... Aqui e além, a desventura
Caminha ao léu, sem pão, sem luz, sem lar,
Acende o próprio amor! Faze brilhar
A tua fé tranqüila, doce e pura.

Agora! eis o minuto decisivo! ...
Abre o teu coração ao Cristo Vivo,
Não permita que o tempo marche em vão.

E ajudando e servindo sem cansaço,
Alcançarás, subindo passo a passo,
A glória eterna da Ressurreição.


Soneto extraído do livro Auta de Souza, psicografado pelo médium Francisco Cândido Xavier e publicado pela Editora IDEAL.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

MENSAGEM AOS EVANGELIZADORES ESPÍRITAS


"Não é o acaso que vos reúne no campo da ação espírita-cristã. Tendes compromisso com o pensamento de Jesus, que adulterastes anteriormente e que aplicastes em favor de interesses mesquinhos quão perturbadores.
Não vos importem as dificuldades momentâneas que fazem parte do programa da ascensão. Pensai no amanhã e preparai-o através das estrelas que puderdes deixar pelos caminhos percorridos, a fim de que aqueles que     venham depois encontrem luz     apontando-lhes rumos    de     segurança."

Mortos? Não


Nós não somos os mortos condenados
Aos sepulcros de treva e cinzas frias,
Tristes evocações das agonias,
Sob os dobres dos sinos de finados...
 
Não estamos nas lápides sombrias
Dos cemitérios ermos e isolados,
Somos somente amigos apartados
Pelo... espaço das horas fugidias.
 
Crede que a luta é a nossa eterna herança,
Com a qual marchamos plenos da esperança
Que une os mundos e os seres nos seus laços.
 
Depois da morte, a luz de um novo dia
Resplende, transbordante de harmonia
Pela serenidade dos espaços.

Poeta: Antero de Quental - Psicografia de Francisco Cândido Xavier - Do livro - Lira Imortal.

domingo, 15 de janeiro de 2012

"A cada um segundo suas obras"



"A cada um será dado aquilo que precisa ser dado e do que esteja apto a receber."

Dr. Claudionor de Carvalho

VAMOS TRABALHAR!



"Um dia de trabalho na Senda do Serviço em Cristo, é um banquete para o progresso do espírito."


Dr. Claudionor de Carvalho

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

"A Importância do Amor para o Espírito" Palestra com Ricardo Cajado

O Centro Espírita Claudionor de Carvalho ganhou de presente a Palestra como tema "A Importância do Amor para o Espírito" ministrado pelo nosso Irmão Ricardo Cajado do Município de  Ubaitaba.
A sua alegria nos contagiou e fez com que todos participassem, deixando o gostinho de "quero mais."
Ricardo falou do Amor na  sua essência, do Amor que tanto Dr. Claudionor de Carvalho nos ensina com as tuas mensagens edificantes do Evangelho de Jesus.
Obrigada a todos que participaram e a todos os Palestrantes que se dispõem em estarem aqui nesta Casa de Amor e que através de tuas palavras vem nos ensinando, nos confortando e nos mostrando o quanto somos amados por DEUS e JESUS.
Equipe CECC



                             Solineide a nossa Mestre de Cerimônia

                            Ricardo com as Voluntárias do CECC



terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Feliz daquele que é apóstolo e que está a postos.


Feliz daquele que é apóstolo e que está a postos.
Viemos buscar nossa transformação, nossa mudança e procurar exercitar a nossa emoção, o nosso sentimento.
No labor diário de cada um, procuremos ou vamos procurar lembrar do processo da reencarnação.
Cada etapa caminhada são lições apreendidas, precisa e necessária para o novo dia que está por vir.
Lembremos também, meus filhos, que o que estão a fazer hoje, com certeza, irão receber o bônus no amanhã. E feliz daquele que caminha e quando olha para trás, ver os seus passos, a sua trilha, trilhando por mais alguns das ovelhas desgarradas de Israel sendo acolhidos e recolhidos.
Feliz também, daquele que ao término desta jornada atual, seja recebido com festa, com cânticos, com olhar de admiração e de respeito.
Feliz daquele que se nada conseguir no seu caminhar, pelo menos consiga a si mesmo.
Porque com certeza, lá no Alto estarão entoando e externando o que poucos sonham e valorizam.
Hosana nas Alturas e paz na Terra à todos aqueles que têm Boa Vontade.
                             Dr. Claudionor de Carvalho

Transcrição 
Mensagem psicofônica - Por José Marcos 
Recebida em 29/08/2010 - Ibicaraí

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

INSTRUÇÕES DOS ESPÍRITOS Dar-se-á àquele que tem

"Aquele que não cultiva o campo que o trabalho de seu pai lhe granjeou, e que lhe coube em herança, o vê cobrir-se de ervas parasitas. E seu pai quem lhe tira as colheitas que ele não quis preparar? Se, â falta de cuidado, deixou fenecessem as sementes destinadas a produzir nesse campo, é a seu pai que lhe cabe acusar por nada produzirem elas? Não e não. Em vez de acusar aquele que tudo lhe preparara, de criticar as doações que recebera, queixe-se do verdadeiro autor de suas misérias e, arrependido e operoso, meta, corajoso, mãos à obra; arroteie o solo ingrato com o esforço de sua vontade; lavre-o fundo com auxílio do arrependimento e da esperança; lance nele, confiante, a semente que haja separado, por boa, dentre as más; regue-o com o seu amor e a sua caridade, e Deus, o Deus de amor e de caridade, dará àquele que já recebera. Verá ele, então, coroados de êxito os seus esforços e um grão produzir cem e outro mil. Ânimo, trabalhadores! Tomai dos vossos arados e das vossas charruas; lavrai os vossos corações; arrancai deles a cizânia; semeai a boa semente que o Senhor vos confia e o orvalho do amor lhe fará produzir frutos de caridade. 
Um Espírito amigo (Bordéus, 1862.)"

Ânimo, trabalhadores.

Que o Menino Jesus nos abençoe e coloque dentro de cada um que se dispõe a servir um pouco da Tua luz, do Teu Amor.
Derramando sobre eles o Teu bálsamo Curador para que possam trazer o alívio, a esperança e uma vida totalmente transformada no Teu Evangelho.
Escuta nossa súplica por tudo e por todos.
Feliz daquele que tem oportunidade de conhecer o Evangelho do Menino Jesus e a Tua Doutrina de Amor para que possa pelo menos iniciar os princípios moras, deixando de valorizar os princípios materiais.
Viver o princípio moral é uma obrigação do espírito que busca todos os dias a tua alta transformação, que busca o sentido no teu caminhar. É preciso que estejam atentos para amparar aos que sofrem.
Vamos trabalhar, filhos.


 Dr. Claudionor de Carvalho

Transcrição de Mensagem ocorrida em Atendimento Fraterno, na cidade de Ubaitaba, na data de 01/08/2010.

domingo, 8 de janeiro de 2012

Descansa criança


Os dias agitados e as preocupações, muitas vezes, nos levam para bem distante dos sonhos acalentados na infância. 

As alegrias da meninice, há muito foram tragadas pelo tempo, implacável, que exige cada vez mais concentração nas questões do dia-a-dia.  As responsabilidades, naturalmente, foram ocupando o lugar das brincadeiras descontraídas, e o sorriso inocente foi dando lugar a um cenho marcado pelas preocupações e as dores da caminhada.  O tempo, que se desenrolava sem pressa, agora cobra o seu tributo, exigindo cada vez mais a participação nas decisões sérias da vida. 
Quando nos damos conta, aquela criança já partiu há muito... 
Sentimos uma saudade imensa dos dias risonhos e parece impossível reviver os mesmos sonhos, as mesmas alegrias, as mesmas esperanças de outrora. 
Parece que os anos roubaram a confiança que se tinha no futuro, e a dureza insiste em se instalar no coração... 
Os passos ligeiros e saltitantes, agora são lentos e arrastados... 
E aquela criança, onde está? 
... Ainda é possível dar um tempo e acordar a criança que dorme, na intimidade desse adulto tão mergulhado nas questões amargas. 
Deixa tua dureza derreter-se frente ao novo que te é dado, dia após dia. 
Para isso, basta buscar um lugar que te permita ouvir as águas rolando nos seixos. Elas trazem uma canção que o teu coração já conhece... 
Vê o vento que balança as folhas das árvores... É o mesmo que toca tua fronte iluminada. 
Acompanha o vôo do pássaro sob o céu, e sente... O teu espírito é tão livre quanto ele. 
Sente o silêncio abençoado da Natureza que te permite comungar com ela a quietude, a paz que vai em teu ser. 
Olha as flores, mistura tuas cores e cria teu próprio arco-íris. 
Deixa teu coração presente em tuas palavras, em tuas decisões, em teus silêncios. 
Deixa a saudade vir e te avisar de um tempo precioso, onde viveste em liberdade, em alegria e vê... ainda é tempo de ser feliz.
 

Relembra tua história e o caminho que fizeste... 

Quanto aprendeste, quanto mudaste e quanto ainda há por ser feito. 
O tempo não pára, ele continua fiel à sua natureza: sê também fiel à tua natureza e resgata tuas fontes cristalinas, tua alegria generosa, tua confiança no agora, tua dança, tua segurança em ti mesmo. 
O mundo não tem outro propósito senão o de te ensinar que és a criança de Deus, e para a criança de Deus toda a criação é presente, todo amor é dado. 
Descansa, criança!
 
Teu jardim ainda é o mais bonito e floresce mansamente aos olhos dAquele que tem por alegria olhar, amar e cuidar de todas as tuas flores.


Dedique tempo para trabalhar; esse é o preço do triunfo.

Encontre tempo para pensar; o pensamento é a fonte do poder.

Permita-se um tempo para brincar; esse é o segredo da eterna juventude.

Arranje tempo para ler; a leitura nobre é o fundamento da sabedoria.

Permita-se um tempo para ser amigo; esse é o caminho da felicidade.

Ache tempo para sonhar; e viaje rumo às estrelas.

Encontre tempo para amar e ser amado; esse é um privilégio dos filhos de Deus.

Reserve um tempo para olhar ao redor; o dia é muito curto para ser egoísta.

Invista boa parte do seu tempo para sorrir; pois o sorriso é a música da alma.

Equipe de redação do Momento Espírita, baseado em texto de autoria desconhecida da Equipe e numa oração irlandesa.

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

“A arte pura é a mais elevada contemplação espiritual por parte das criaturas. Ela significa a mais profunda exteriorização do ideal, a divina manifestação desse ‘mais além’ que polariza as esperanças da alma.”

(Emmanuel, O consolador, 15.ed., p.100)

ORAÇÃO DE HOJE

Hoje, Senhor, resplende novo dia,
Que deveres e júbilos condensa,
Nova esperança luminosa e imensa
Renascendo da noite espessa e fria...

Dá-me trabalho por excelso guia,
Ensina-me a servir sem recompensa
E a fazer do amargor de cada ofensa
Uma prece de amor e de alegria.

Que eu Te veja na dor com que me elevas
Por flamejante sol, rompendo as trevas,
Ante a beleza do Celeste Abrigo!

E que eu possa seguir na caravana
Dos que procuram na bondade humana
A glória oculta de viver contigo.

poetisa Auta de Sousa

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Lindomar Coutinho - Necessidade da Encarnação


    O Centro Espírita Claudionor de Carvalho agradece alegremente, a presença e o carinho do público que compareceu à Palestra "Necessidade da Encarnação", ministrada por Lindomar Coutinho no dia 02/01/2012 (primeira Segunda-feira do ano).
  O tema tão importante para a compreensão de nossas existências nesta Gleba, foi minuciosamente esclarecido pelo educador Lindomar, que trouxe exemplos de como lidar com o cansaço, oriundo de fraquezas que acometem o ser na caminhada rumo ao progresso espiritual.
  Para encerrar o encontro, Lindomar deu um belo presente de Ano Novo aos presentes: uma maravilhosa vibração, que certamente reavivou as esperanças de cada participante na oportunidade de enxergarmos a importância de não perdermos (mais) o tempo de progredir. 
  Foi de grande proveito, já que iniciamos um novo ano desta nova era.
 Agradecemos de coração e lembramos que  "a evolução não é uma corrida de obstáculos, sequer uma corrida é, no entanto, que a constatação de que temos a eternidade para evoluir não sirva para nos amolecer o ânimo, mas, antes, como estímulo para acelerarmos a marcha, de modo a podermos ajudar aqueles que ficaram para trás, praticando, desse modo, a verdadeira caridade cristã."



O CECC em festa


Emerson Mozart - voluntário do CECC (cantor e compositor)
deixou o Salão harmonizado com suas calmas notas musicais.

O palestrante-amigo Lindomar Coutinho entre as colaboradoras do CECC: Vitória e Clícia


Havia participantes de 8 a 80 anos!


Outro ângulo do Salão, que contou com a presença de ouvintes extremamente atentos ao mar de palavras edificantes que Lindomar preparou, sobre o tema.

Lindomar Coutinho

À esquerdaa - Marcos (Presidente do CECC) 
recebendo o amigo de caminhada Lindomar Coutinho, junto às voluntárias Vitória e Clícia.




terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Oração Rogativa (Emmanuel)

Esta Prece é uma psicofonia que transcrevemos. 
Ocorreu no dia 09 de Junho de 1955, e fez parte  posteriormente do livro "Instruções Psicofônicas" (instrução nº 65 do  livro).
 

"A reunião da noite de 9 de junho de 1955 revestiu-se para nós de grande significação. É que os Benfeitores Espirituais designaram-na como sendo a última para a recepção das mensagens consoladoras e educativas que enfeixam este livro. 
Havia, portanto, grande expectativa em nossa pequena assembléia de companheiros encarnados. Nossas tarefas habituais transcorreram ativas. Grande número de entidades sofredoras, compelindo-nos à Interferéncia em casos tristes e dolorosos.

No encerramento, foi Emmanuel, o nosso amigo de sempre, quem veio até nós, através da palavra direta. Colocou o médium de pé e, com a expressão que lhe é própria, elevou a Jesus vibrante prece. Estávamos todos Imensamente comovidos. Chegávamos ao término de sessenta e cinco noites de abençoada atividade espiritual e, com as palavras do querido orientador, o nosso primeiro livro de Instruções psicofônicas estava sendo concluído... Transcrevendo aqui a oração do nosso mentor infatigável, rogamos ao Divino Mestre a felicidade de continuar em nossa tarefa para diante. E, porque nos falta o justo vocabulário para expressar a nossa profunda gratidão aos instrutores e amigos espirituais que nos visitaram, através destas páginas, finalizando as presentes anotações oferecemos a eles os nossos corações reconhecidos".

Senhor Jesus!
Agradecendo-te o amparo de todos os dias, eis-nos aqui, de espírito, ainda em súplica, no campo em que nos situaste.
Ensina-nos a procurar na vida eterna a beleza e o ensinamento da temporária vida humana!
Apesar de amadurecidos para o conhecimento, muitas vezes somos crianças pelo coração.
Ágeis no raciocínio, somos tardios no sentimento.
Em muitas ocasiões, dirigimo-nos à tua infinita Bondade, sem saber o que desejamos.
Não nos deixes, assim, em nossas próprias fraquezas!
Nos dias de sombra, sê nossa luz!
Nas horas de incerteza, sê nosso apoio e segurança!
Mestre Divino!
Guia-nos o passo na senda reta.
Dá-nos consciência da responsabilidade com que nos enriqueces o destino.
Auxilia-nos para que o suor do trabalho nos alimente o lume da fé.
Não admitas que o verme do desalento nos corroa o ideal e ajuda-nos para que a ventania da perturbação não nos inutilize a sementeira.
Educa-nos para que possamos converter os detritos do temporal em adubo que nos favoreça a tarefa.
Ao redor da leira que nos confiaste, rondam aves de rapina, tentando instilar-nos desânimo e discórdia...
Não longe de nós, flores envenenadas deitam capitoso aroma, convidando-nos ao repouso inútil, e aves canoras da fantasia, através de melodias fascinantes, concitam-nos a ruinosa distração...
Fortalece-nos a vigilância para que não venhamos a cair.
Dá-nos coragem para vencer a hesitação e o erro, a sombra e a tentação que nascem de nós.
Faze-nos compreender os tesouros do tempo, a fim de que possamos multiplicar os créditos de conhecimento e de amor que nos emprestaste.
Divino Amigo!
Sustenta-nos as mãos no arado de nossos compromissos, na verdade e no bem, e não permitas, em tua misericórdia, que os nossos olhos se voltem para trás.
Que a tua vontade, Senhor, seja a nossa vontade, agora e para sempre.
Assim seja.

Emmanuel

I – Os Últimos Serão Os Primeiros


CONSTANTINO
Espírito Protetor, Bordeaux, 1863
            2 – O trabalhador da última hora tem direito ao salário.Mas, para isso, é necessário que se tenha conservado com boa-vontade à disposição do Senhor que o devia empregar, e que o atraso não seja fruto da sua preguiça ou da sua má vontade. Tem direito ao salário, porque, desde o alvorecer, esperava impacientemente aquele que, por fim, o chamaria ao labor. Era trabalhador, e apenas lhe faltava o que fazer.
            Se tivesse, entretanto, recusado o trabalho a qualquer hora do dia; se tivesse dito: “Tenham paciência; gosto de descansar. Quando soar a última hora, pensarei no salário do dia. Que me importa esse patrão que não conheço e não estimo? Quanto mais tarde, melhor!” Nesse caso, meus amigos, não receberia o salário do trabalho, mas o da preguiça.
            Que dizer, então, daquele que, em vez de simplesmente esperar, tivesse empregado as suas horas de trabalho para cometer estrepolias? Que tivesse blasfemado contra Deus, vertido o sangue de seus semelhantes, perturbado as famílias, arruinado homens de boa-fé, abusado da inocência? Que tivesse, enfim, se lançado a todas as ignomínias da humanidade? O que será dele? Será suficiente dizer, à última hora: “Senhor usei mal o meu tempo; empregai-me até o fim do dia, para que eu faça um pouco, um pouquinho que seja da minha tarefa, e pagai-me o salário do trabalhador de boa-vontade!”? Não, não! Porque o Senhor lhe dirá: 
“Não tenho agora nenhum trabalho para ti. Esperdiçaste o teu tempo, esqueceste o que havias aprendido, não sabes mais trabalhar na minha vinha. Cuida, pois, de aprender de novo, e quando te sentires mais bem disposto, vem procurar-me e te franquearei as minhas terras, onde poderás trabalhar a qualquer hora do dia”.
            Bons espíritas, meus bem-amados, todos vós sois trabalhadores da última hora. Bem orgulhoso seria o que dissesse. “Comecei o trabalho de madrugada e só o terminarei ao escurecer”. Todos vieram quando chamados, uns mais cedo, outros mais tarde, para a encarnação cujos grilhões carregais. Mas há quantos e quantos séculos o Senhor vos chamava para a sua vinha, sem que aceitásseis o convite? Eis chegado, agora, o momento de receber o salário. 
Empregai bem esta hora que vos resta. Não vos esqueçais de que a vossa existência, por mais longa que vos pareça, não é mais do que um momento muito breve na imensidade dos tempos que constituem para vós a eternidade.


HENRI EINE
Paris, 1863

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

RECOMECEMOS! Mensagem de Emmanuel

Não conserves lembranças amargas.
Viste o sonho desfeito.
Escutaste a resposta de fel.
Suportaste a deserção dos que mais amas.
Fracassaste no empreendimento.
Colheste abandono.
Padeceste desilusão.

Entretanto, recomeçar é benção na Lei de Deus...

A possibilidade da espiga ressurge na sementeira.
A água, feita vapor, regressa da nuvem para a riqueza da fonte.
Torna o calor da primavera, na primavera seguinte.
Inflama-se o horizonte, cada manhã, com o fulgor do Sol, reformando o valor do dia.
Janeiro a Janeiro, renova-se o ano, oferecendo novo ciclo ao trabalho.
É como se tudo estivesse a dizer : "Se quiseres, podes recomeçar ".

Disse, porém , o Divino Amigo que ninguém aproveita remendo novo em pano velho.

Desse modo, desfaze-te do imprestável.
Desvencilha-te do inútil.
Esquece os enganos que te assaltaram.
Deita fora as aflições inúteis.
Recomecemos, pois, qualquer esforço com firmeza, lembrando-nos , todavia, de que tudo volta, menos a oportunidade esquecida, que será sempre uma perda real...

Emmanuel

Lembremos que  "Ninguém põe remendo de pano novo em vestido velho." - Jesus (Mateus, 9 : 16.)
 

Do livro "Palavras de Vida Eterna", Emmanuel (Espírito), Francisco C. Xavier (psicografia)
(No original: "Deita fora as aflições improfícuas")
O link abaixo contém a relação de livros publicados por Chico Xavier e suas respectivas editoras:
http://www.institutoandreluiz.org/chicoxavier_rel_livros.html

O LÁPIS (Hoje é o segundo dia de 2012 - iniciemos uma Reforma Íntima verdadeiramente sincera)


O menino observava seu avô escrevendo em um caderno e perguntou:
- Vovô, você está escrevendo algo sobre mim?
O avô sorriu e disse ao neto:
- Sim, estou escrevendo algo sobre você. Entretanto, mais importante que as palavras que estou escrevendo , é este lápis que estou usando. Espero que você seja como ele quando você crescer.
O menino olhou para o lápis e, não vendo nada de especial, intrigado comentou:
- Mas este lápis é igual a todos os que eu já vi. O que ele tem de tão especial?
- Bem, depende do modo que você o olha. Há cinco qualidades nele que, se você conseguir vivê-las, será uma pessoa de bem e em paz com o mundo – respondeu o avô.
1. Assim como o lápis, você pode fazer coisas grandiosas, mas nunca se esqueça que existe uma mão que guia os seus passos, e que sem ela o lápis não tem qualquer utilidade. Você nunca está sozinho;
2. Assim como o lápis, de vez em quando você vai ter que parar o que está escrevendo e usar um apontador. Isso faz com que o lápis sofra um pouco, mas ao final ele se torna mais afiado. Portanto, saiba suportar as adversidades da vida porque elas farão de você uma pessoa mais forte e melhor;
3. Assim como o lápis, permita que se apague o que está errado. Entenda que corrigir uma coisa que fizemos não é necessariamente algo mal, mas importante para nos trazer de volta ao caminho certo;
4. Assim como o lápis, o que realmente importa não é a madeira ou sua forma exterior, mas o grafite que está dentro dele. Sempre cuide daquilo que acontece dentro de você. O seu caráter será sempre mais importante que a sua aparência;
5. O lápis sempre deixa uma marca. Da mesma maneira, saiba que tudo que você fizer na vida deixará traços e marcas nas vidas das pessoas. Procure ser consciente de cada ação, deixe um legado, e marque positivamente a vida das pessoas.

domingo, 1 de janeiro de 2012

Reflitam...

"A pluralidade da existência do Ser deve sempre buscar o recomeço, porque a cada dia a Luz Divina nos procura com todo o seu Amor, que no direciona a busca da perfeição."

Mensagem: Marcos Silva
01/01/2012
"... a sabialidade não está naquilo que se faz, está naquilo que você sente em fazer." Dr. Claudionor de Carvalho